quarta-feira, 3 de junho de 2009

Client Satisfaction... what the fuck is it?!

Você viria à India? 
Ainda sofro um pouco pra conseguir comprar coisas aqui... sempre tenho a sensação de tá sendo tapiado.. e quando tô sendo, mesmo... num percebo! hehehe.. Os kras.. olham pra tua fussa branquela... e já inflacionam tudo ao redor! O ruim é que muitas vezes, por uma questão de inabilidade própria, fica muito dificil barganhar em inglês, quando não muito aumenta o escopo da oferta.. para equilibrar à minha demanda.

Entende-se que a India é um pais majoritariamente voltado para o comércio antes mesmo de cristo decidir dar as caras nesse mundo... Então achar que meu tupete ocidental, minha lógica, minha capacidade de negociação aprendida nas aulas com o professore ALLVarejo... vai prepondera... BULSHIT, MAN!!!!!!!

Os, ainda, preços são meio confusos... e a noção de atendimento.... satisfação do cliente.. postuladas pelo renomado Kotler... nem se fale.. particularmente acho que naum existe!!! hehehe...
Enfim, vou confidenciar um fato que me ocorrera nessa semana...

Todo dia de manhã eu saio da estação de Charniroad e vou caminhando até meu escritório, que fica perto do Alankar Theather - 10 min. E no percurso sempre paro numa vendinha com ar condicionado pra comprar um garrafinha de coca. A garrafa tem 600 ml e custa 22 rúpias. Seu preço é tabelado no plástico embalagem. Impossibilitando trapaças...

Pois bem, todo dia no mesmo horário, eu entro na vendinha compro a garrafinha e vo pro meu escritório.
Eis que num dia dessa semana um dos moços que trabalham na vendinha não tinha o trocado. Eu lhe apresentei uma nota de 50 rúpias e ele naum tinha moedas pra me voltar.
Eu pedi a ele que deixasse eu pagar as 2 rupias no dia sequinte pois todo dia eu comprava ali.
Ele disse não
Dei aquela respirada e disse pra ele desencanar. Eu compro a coca.. todo dia! A mais de um mês... que ele podia confiar em mim.
Ele disse não.
Então, aparemente calmo... sugeri pra que ele ficasse com 10 rúpias e no próxima dia ele me entregava o montante certo.
Ele disse não.
Dai endiante já perdi as estribeiras.. disse que comprava todo dia ali. E que se ele não me vendesse a bendita coca, eu nunca mais iria comprar na porra da loja.
Ele disse não

Sai putu... Indiando burro, estupido! Fui na primeira vendinha que vi. Pedi pela coca e o rapaz da venda me diz... 24 rupias.. (nossssssssssssa... tá certo que é só 2 rúpias de diferença... mas fala sério... pra que faze isso, só porque sou estrangeiro?! E toda hora... agente tem essa sensação.. de ta sendo tapiado...e quando não muito já tava putu com o outro sujeito...) Peguei a coca mostrei pra ele.. its 22.. no rótulo. Ele respondeu... but its cold. >(
Olhei no fundo dos olhos dele, fechei a cara e falei... Who drink this hot, asshole?! dont cheat me. Its 22 and give a straw now!

Blz.. pensei... vou ter de arrumar uma nova vendinha pra compra coca de manhã... de preferência antes da abtual.. pra mostrar pro babaca que ele perdeu um cliente.

Passado o dia.. quando eu voltava do trabalho... resolvi comprar outra garrafinha.. (porra outra coca...?! VAI TOMA NO SEU CU, VC NUN SABE O QUANTO FAZ CALOR NESSA PORRA E OTRA... AKI É BARATO!!!)

Dessa vez eu tava na estação. 100 metros.. da vendinha!
Pois bem, lá o kra queria me vender por 23... Mas dessa vez, não quis nem saber... já tava cansado de ser esculhanbado como consumidor...
Fechei a cara... Estufei o peito... Engrossei a voz... E começei a discutir!!! NO NO NO ITS 22!!! NO 23!!!! U R CHEATING ME! JUST BEACUSE I AM WHITE!!!! U OFFENDED ME...
Maaaaan.... o kra nun queria de jeito nenhum faze por 22... e eu fikei putu... mas na hora q eu disse u r offended me... em alto e bom som... TODO MUNDO QUE TAVA NA ESTAÇÃO PARO E ME OLHO... Até a turma da outra plataforma... Fikei chocado com o poder daquelas palavras...

Nisso me aperece um outro indiano.. que devia trabalha ou conhece o kra da vendinha... ele me mostro que o valor na garrafinha era de 23... NO RÓTULO!!!!! Na hora.. eu fikei muuuuuuito sem graça... putz, mais que bola fora! Maldita inflação... foi só atravessar a rua e os preços são outros!

Bem, paguei... os 23... e depois disso o endiano que tinha me mostrado o valor acenou, sorriu e disse... WELCOME TO INDIA...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anúncios

Not here, google! hahahaha
>